Mercadoteca de Curitiba: “Templo da Cerveja” ou “Templo do Mau Atendimento”?

Prezados leitores

Depois de um longo tempo ausente, retorno ao Blog, não com a periodicidade de antes, para compartilhar com os colegas a experiência que tive ao visitar a tão “badalada” Mercadoteca de Curitiba.

Primeiramente, o lugar é mal localizado, longe do centro (a 7km da Praça Tiradentes), e sem pontos de ônibus próximos (segundo o Google Maps, o passageiro que sai do marco zero de Curitiba, que é a Praça Tiradentes, teria que caminhar 400m até a Av. Marechal Deodoro para pegar um ônibus e depois de 19 paradas, descer e andar mais 400m até chegar na Mercadoteca, lembrando que a Rua Paulo Gorski não tem calçada para pedestres e os carros andam em velocidade superior a 40km/h). A única opção viável acho que é ir de carro ou táxi.

A entrada do estacionamento, ao invés de ficar na Rua Paulo Gorski, que é a rua principal, fica na rua lateral que é a Rua José Carolo.

Se o seu carro foi muito baixo, vai raspar o pára choque dianteiro no piso do estacionamento que é bem alto em relação ao asfalto da Rua José Carolo.

A saída do estacionamento, por sua vez, fica na Rua Paulo Gorski, e o motorista fica sem visibilidade para sair, o que é um perigo, pois os carros andam rápido nesta rua.

Como fiquei pouco tempo no recinto, não cobraram o estacionamento, mas após um certo período, o recinto cobra pelo tempo adicional.

mercadoteca-lojas

Ao adentrar no estabelecimento, a primeira impressão é muito boa, mas logo se percebe que você está em uma caixa de fósforo. Para quem gosta do Mercado Municipal de Curitiba, a Mercadoteca é uma kitinete, pequena e sufocante, com mesas no meio dos corredores creio que para “dificultar” a caminhada.

Como fui ao local somente para conhecer, e não para comprar nada específico, não entrei em nenhuma loja, e como em menos de 2 minutos você dá a volta no interior do recinto, minha namorada sugeriu bebermos um chopp na loja chamada “Templo da Cerveja”.

mercadoteca

Para começar, o preço do chopp de 330ml mostrado em um quadro negro atrás do balcão era de R$ 8,00. Pedimos dois chopps e o atendente, de cara, disse que cada um custava R$ 10,00. Ou seja, preço errado e pague antes de beber seu chopp, pois você tem cara de ladrão e pode sair sem pagar.

Ao dar o cartão de débito para efetuar o pagamento, o atendente inseriu o mesmo na maquininha e em seguida esbravejou “transação rejeitada”.

Eu afirmei que era para ele escolher o débito automático e não o cartão de crédito, sendo que, em seguida, ele disse que o processo de escolha do tipo de cartão era automático na tal maquininha.

A segunda tentativa deu certo, depois de digitada a senha e a operação realizada com sucesso, o atendente, sem graça, tentando se desculpar, colocou a culpa na tal maquininha (que não pode se defender), dizendo que, às vezes, ela apresentava esses problemas, coitada.

Feito o pagamento, vamos ao que interessa, provar o chopp. Procuramos um lugar bom para nos sentar e, quando me afasto do balcão, o mesmo atendente esbravejou afirmando que eu tinha que retirar os dois copos de chopp no balcão. Ué, pagamos R$10,00 por um copo de 330ml de chopp e ele não leva o produto até a mesa do cliente?

Esperei no balcão ele encher os dois copos e levei-os até a mesa que escolhemos.

Então um outro rapaz que estava sentado no caixa mexendo no celular (para variar), se levanta e fica em pé, do lado de fora do balcão, observando o nosso consumo do chopp (que mais parecia cerveja) que custou R$ 10,00, servido em copos de plástico que o atendente preguiçoso não levou nem na nossa mesa.

CONCLUSÃO:

Atendimento péssimo do estabelecimento “Templo da Cerveja” que mais parecia o “Templo do Mau Atendimento”.

Deveriam treinar melhor seus funcionários, pois pareceu que estávamos fazendo um favor ao atendente ao consumir em sua loja.

Não voltarei ao lugar e não recomendarei o “Templo da Cerveja” aos meus conhecidos.

Inclusive, o Mercado Municipal de Curitiba é infinitamente melhor do que a Mercadoteca; melhor localizado e com espaço e número de lojas muito superior.

Wallpapers do filme “The Dark Knight Rises”

Link: The Dark Knight Rises official wallpapers (12)

Wallpapers do filme “Oz The Great And Powerful” com James Franco

Link: Exclusive, first wallpapers of “Oz The Great And Powerful”

Wallpepers do filme “The Hobbit: An Unexpected Journey”

Link: 5 New HD wallpapers of “The Hobbit: An Unexpected Journey”

Wallpapers do filme “Cloud Atlas” com Tom Hanks

Link: 27 HD stills/wallpapers from “Cloud Atlas

Wallpapers do filme “Life of Pi”

Link: First wallpapers of the movie “Life Of Pi” by Ang Lee

Wallpapers do filme “O Legado Bourne”

Link: The Bourne Legacy wallpapers starring Jeremy Renner

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

%d blogueiros gostam disto: