Depoimentos complicam situação de Carli

Testemunhas afirmam que parlamentar havia bebido horas antes do acidente e dirigia em altíssima velocidade no momento da colisão

O Inquérito 584444-2, que tramita no Tribunal de Justiça do Paraná e apura a responsabilidade do deputado estadual Fernando Ribas Carli Filho (PSB) no acidente que resultou na morte de dois jovens na madrugada de 7 de maio, em Curitiba, traz relatos que complicam a situação do parlamentar. No documento, ao qual a reportagem da Gazeta do Povo teve acesso, dois depoimentos são contundentes ao afirmar que Carli Filho ingeriu bebida alcoólica num restaurante do Batel poucas horas antes do acidente e que dirigia em altíssima velocidade. Na madrugada de terça-feira, a polícia vai fazer, com auxílios de peritos, uma reconstituição no local do acidente.

Com 112 páginas, o inquérito traz o relato de nove testemunhas que presenciaram a colisão ou que estiveram com o deputado antes e depois do acidente na madrugada do dia 7. O depoimento mais detalhado do momento da batida é de um motorista que trafegava, segundos antes do acidente, pouco atrás do Honda Fit prata – onde estavam Gilmar Rafael Souza Yared, de 26 anos, e Carlos Murilo de Almeida, de 20, que morreram na batida. Em depoimento à polícia, ele relata que, no cruzamento da Rua Paulo Gorski com a Avenida Ivo Zanlorenzi, no Mossunguê, Yared reduziu a velocidade e entrou na avenida em baixa velocidade. A testemunha conta que, quando parou no cruzamento, percebeu que o Passat alemão (dirigido pelo parlamentar) vinha em altíssima velocidade e teve a impressão de que o veículo do deputado havia perdido o contato com o solo. Logo em seguida, ela disse ter visto a colisão e a impressão foi de que o choque aconteceu quando o Passat veio a tocar novamente a pista. A testemunha descreveu o que viu ao chegar ao local em que o Fit e o Passat pararam após se chocarem: “A cena era de destruição”.

Álcool

Uma garçonete do restaurante onde o deputado esteve momentos antes do acidente disse em depoimento que Carli Filho frequentava o local, em média, uma vez a cada 15 dias e que o deputado tinha como hábito tomar vinho em garrafas de mais ou menos 800 mililitros.

No dia do acidente, relembra a garçonete, ela serviu quatro garrafas de vinho na mesa em que o parlamentar estava – na companhia de um casal de amigos. Relata ainda que Carli Filho não comeu coisa alguma, apenas bebeu e que “quando ele saiu para ir embora apresentava visível estado de embriaguez alcoólica”. Outros dois garçons confirmaram o estado em que o parlamentar deixou o restaurante: “Apresentando visíveis sinais de embriaguez”. No boletim de atendimento a Carli Filho, os socorristas do Corpo de Bombeiros descrevem a presença de “hálito etílico” no deputado.

Radar

No inquérito também consta um relatório encaminhado pela Urbs com uma lista de veículos que passaram – seja qual for a velocidade – pelos radares da Avenida Monsenhor Ivo Zanlorenzi, local do acidente, e Parigot de Souza, rua do Shopping Barigui – de onde saíram os dois jovens – e onde fica a residência do parlamentar. A intenção é esclarecer a que velocidade o carro do deputado trafegava antes da colisão. Os sete radares instalados nessas ruas mostraram que 550 veículos passaram pelos locais entre 0 hora e 1 hora da madrugada do dia 7 de maio. O carro dirigido por Carli Filho, no entanto, não passou por nenhum desses sete radares nesse intervalo de tempo.

No último dia 13, o delegado encaminhou um novo ofício à Urbs – ainda não respondido – solicitando a listagem de carros que passaram entre 23 horas e 2 horas pelos radares das ruas Ivo Zanlorenzi e Parigot de Souza, além das vias próximas. O ofício 20040/2009 diz que a intenção é “estabelecer a velocidade que o Passat conduzido por Carli Filho trafegava na região dos bairros Mossunguê, Campo Comprido e adjacências”.

Fonte: Gazeta do Povo

Sobre Ronaldo
Brasil, Sul, Homem, de 35 a 40 anos, português, inglês

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: