Acaba Perseguição à Mulher Armada em Curitiba

Da Gazeta do Povo

Terminou no final da noite de segunda-feira (4) a fuga da grávida que disparou uma arma .40 na Praça Osório, Centro de Curitiba, causando o bloqueio das ruas ao redor. De acordo com a reportagem da rádio Banda B, a mulher, que ameaçou se suicidar, entregou a arma de uso restrito para a mãe.

Depois de cerca de quatro horas de negociação, que começou no meio da tarde, a mulher, de cerca de 20 anos, furou o bloqueio policial, se chocando contra uma moto da Polícia Militar, por volta das 20h. A polícia seguiu a mulher com viaturas descaracterizadas.

A polícia recebeu informações do encontro dela com a mãe. Não se sabe se foi efetuada a prisão da grávida. O 1º Distrito Policial, que cuida da região central da cidade, diz não ter a recebido.

Segundo o capitão da PM Marcelo Maziero, a mulher é filha de um policial militar. A identidade dela não foi revelada. Maziero confirmou também a gravidez da mulher, mas não soube informar de quantos meses ela está.

Praça isolada

Segundo taxistas que estavam no local, próximo às 16h, a mulher parou em fila dupla na Rua Cândido Lopes, chamou um taxista e avisou que estava com uma arma e uma bomba dentro do veículo. Ela também disse que iria se matar.

A polícia isolou ruas próximas por cerca de quatro horas. Antes de se entregar, a grávida furou a barreira policial e atropelou uma moto da polícia.

O motivo para a atitude da mulher seria o fim de um relacionamento com seu namorado.

Sobre Ronaldo
Brasil, Sul, Homem, de 35 a 40 anos, português, inglês

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: